Pular para o conteúdo principal

O céu ganha mais uma estrela

Que dia difícil! Desculpe começar um texto assim, mas o que me faz escrever é saber que sempre temos outro por do sol, outro amanhecer e outros momentos pra Deus curar nossas feridas. Quando eu tinha cinco/seis aninhos ganhamos um cachorrinho. Minha mãe não queria de inicio porque ela sofreu muito quando a dela faleceu e não queria que a gente passasse por isso.

Mesmo assim meu vô comprou porque a psicóloga da minha irmã aconselhou que seria melhor para incentiva-la devido sua deficiência. Okay. Ele chegou chorando, estranhando todo mundo e só ficava quietinho no colo ou cheirando a roupa da minha vó.

Era o basset mais fofo do mundo. Marronzinho e levava um nome gigante como o tamanho do carinho que dava pra gente, seu nome era Pitico Solovino do Rabo Comprido Nonato. Qual é, nos erramos crianças e amamos o nome.

Hoje, já velhinho o Pitico resolveu nos deixar. Decidiu que já estamos bem grandinhas pra nos defender. Lembro-me que semana passada me deu uma crise de choro e fui falar com ele e agradecer por me esperar chegar da escola de noite, por sempre nos proteger e sempre estar ali, sabe?

Todos aqui em casa estão abalados, ele era da família a anos. Passou por todas as fases conosco. Trouxe-nos alegria e nos ensinou o quanto um animalzinho precisa de amor e cuidados.

Por um lado estou feliz porque nos últimos dias ele não estava bem por causa de um tumor na orelha. O Veterinário disse que uma cirurgia era perigoso devido idade. Sentia-me mal por ele sofrer.

E com tudo isso venho pedir uma coisa pra você que fique com seu animalzinho de estimação o quanto poder. Cuide. Alimente. O cubra de amor. O pitiquinho levou um pedacinho do meu coração, mas me ensinou que devemos lutar ate o fim e que devemos aproveitar cada segundo com quem amamos.

Hoje o céu ficara mais iluminado porque tem uma estrelinha a mais que sempre me escutara como fazia quando estava aqui. Não quero ser mais egoísta de querê-lo aqui sofrendo. Saber que ele esta sem dor agora me estabiliza um pouco.


Nem sei como terminar esse texto porque a cada palavra escrita me vem uma lembrança. Meu Deus, eu não imaginava que iria doer assim. Depois do acontecimento, distraída queimei meus dedos e mesmo com gelo queimava. Teve uma hora que de tanto ficar com o gelo meio que anestesiou e naquele momento eu desejei que o gelo tivesse adormecido meu coração, pois estava doendo/queimando bem mais que os dedos.

Comentários

  1. Ai, chorei lendo seu texto. Força viu, deve ser muito difícil o que você tá passando, doe muito perder quem a gente ama.

    FORÇAAAA! Beijão

    www.estranhanoparaiso.com.br

    ResponderExcluir
  2. Buaaaaaaaaaaaaaa #stay #strong #fique #forte

    ResponderExcluir
  3. Meus olhos encheram de lágrimas, juro. Eu tenho uma bebê que chegou aqui quando tinha apenas 7 anos. Ela já está com 11 anos e sempre que penso que posso perdê-la a qualquer momento, meu coração dá aquele apertinho que não sei explicar. Sinto muito por você e sua família, mas ele sempre estará com vocês, no pensamento e no coração <3 É difícil dar palavras de consolo nesse momento, mas espero, com toda a sinceridade do mundo, que vocês fiquem fortes e que pensem nele como todos os momentos maravilhosos que passaram juntos. E saiba que deram a melhor vida que ele podia ter, eu tenho certeza. <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigada por suas palavras de consolo. Não fique perdendo tempo pensando que pode perde-lo. Aproveite a ca instante com ele, viu? De novo, obrigada mesmo e que Deus abençoe muito vc e a todos que estao comigo nesse momento <3

      Excluir

Postar um comentário


Abra seu coração aqui!

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Artigos Vários de Psicologia

Olááá Galerinha♥ Tudo bem? Há um tempo escrevi um texto aqui no blog contado que estava cursando Psicologia e a Chiado Editora que é nossa parceira me enviou esse livro cheio de artigos, não é puro amor?

São 87 artigos escritos por Sérgio Resende (formado em Psicologia Clinica) e estão organizados por ordem cronológica de 2007 a 2013. O legal é que são vários temas abordados, por exemplo, antropologia psicanalítica, hiperatividade, perturbações alimentares, complexo de Édipo, psicologia política, psicologia evolutiva, psicologia da religião, psicologia matemática, fobias, criatividade, telepatia e, para além de outras análises do comportamento e funcionamento psicológico humano, Teoria do Tudo em Psicologia e exopsicologia. Não são de mais?
 Eu que estou nessa vibe de estudar as abordagens e assuntos relacionados à Psicologia achei incrível esses artigos. Como são pequenos dá sempre vontade de continuar lendo. Ah e se você tem curiosidade de saber sobre a caracterização psicológica dos p…

Resenha: Fado

Olá, como estão às coisas por ai? Se não estiverem bem acredite que a poesia pode curar. Amor, espiritualidade, alma, mente, destino... São temas abordados no livro de poesias Fado escrito por Daniel Horta Botelho e Castro. Há um tempo recebi um e-mail da editora Chiado me convidando para contar desse livro pra vocês e não esperava que fosse gostar tanto. Em cada poesia um tema que parece complicado, mas ao ler o ponto de vista de Daniel parece mais fácil encontrar o equilibro.
FADO é paraNós. Por umMundo melhor. Por todosNós.” 
Ah, sem contar as ilustrações lindas que aparecem vez ou outra para dar mais vida a poesia.


Esse livro foi publicado em Maio desse ano como o objetivo de “levar-nos a superar o triste estado em que chegamos.” Parece dramático, mas não há outra expressão para se referir a um poeta que transforma confusões em caminhos e que tem a sensibilidade de eternizar isso.


Espero que tenha ficado curioso para ler, clique nesse link e saiba mais.


Continue sendo essa pessoa ilum…

Obras: Romero Britto

Eu estava fazendo uma pesquisa de artes e conheci as obras de Romero Britto ele é brasileiro mas já espelhou suas obras pelo mundo. Então resolvi compartilha com vocês... Espero que gostem também!











Mais obras em : http://www.britto.com/
O que vocês acharam? Eu particularmente amei, essas cores me chamou muita a atenção!