segunda-feira, 11 de maio de 2015

Pensamentos/Sentimentos

Como uma bela virginiana que sou tive que organizar tudo a minha volta para ver se conseguia arrumar meus pensamentos/sentimentos. Não deu muito certo, não.

Mudei a decoração da prateleira, separei as roupas e dobrei – mesmo odiando dobrar qualquer coisa. Os livros estão separados por tamanho e os DVDS por cor.

Escureci o cabelo, comecei a ler um livro novo e fiz uma lista do que tenho que fazer pra semana se não, não faço nada.

E, aos poucos tudo estava ficando no seu lugar e eu me sentindo mais leve. Nesse momento desejei ter o super poder de conseguir e gostar de arrumar o que sinto e por quem sinto.

Não que as pessoas sejam objetos que possa ser trocado de lugares toda hora, mas é bom evitar o que já se sabe o final.


Sofrer a mesma dor de novo é burrice e eu pareço nunca aprender! 

Vamos ser amigos? Facebook | FanPage | Instagram |

Nenhum comentário:

Postar um comentário


Abra seu coração aqui!

A rosa que não lhe dei

Não sei exatamente onde tudo se perdeu. Se foi na brincadeira ou na própria desculpa que era outra brincadeira, segundo você mesmo. Acr...