Pular para o conteúdo principal

#TáAcontecendo: Preconceito literário

Algumas resenhas que já fiz

Se for a primeira vez que você está lendo algo aqui no blog, talvez se assuste com a diversidade de temas que trato. Inclusive, a quantidade de categorias de livros que resenho. Espero que não estranhe. Não é todo mundo que aceita numa boa, não viu?

Esses dias li um artigo que o brasileiro lê em média quatro livros por ano, levando em consideração que um pequeno grupo gosta de ler apenas. Isso não é novidade, pois é super comum ouvir "Ler é chato" "Brega" "Não tenho paciência”. Juro que entendo, eu não gostava também.

Respeito muito quem não curte ler, tem coisas na vida que a gente não entende, mas tem que respeitar, não é mesmo? Como já disse, nós leitores somos um grupo pequeno e fico muito magoada quando encontro gente nesse meio com preconceitos literários.

Se você ai acha que é coisa da minha cabeça é porque nunca ouviu um "não leio livros nacionais". Isso é horrível. Do jeito que temos escritores maravilhosos fora do Brasil existe aqui também. Ou vai me dizer que nunca leu algo do exterior que não gostou?

Você não precisar ler o que "esta na moda", entende? Para ter uma leitura agradável é só encontrar um tema ou sinopse que lhe chame a atenção. Não tem essa de foi escrito por uma brasileira, então nem vou ler. Não precisa desse divisor de águas preconceituoso.

Ler só livros de fora não o fará um leitor melhor. Até porque não é uma disputa. Viaje na história que quiser e respeite a escolha dos outros, se acaso você leu uma obra e não gostou, acontece, agora não julgue a literatura ou um grupo de escritores por causa disso.


O negócio mesmo é espalhar o quão bom é ler. Mostrar que o mundo pode ser diferente e cheio de aventuras e amor. Vamos deixar qualquer preconceito literário de lado e aumentar o número de leitores. Até porque quando lemos, sem perceber quebramos vários preconceitos/pré-conceitos que existem dentro de nós, então quem ainda discrimina alguma categoria, talvez nem leia tanto assim.


Continue sendo essa pessoa iluminada e tchau
Vamos ser amigos? Fan Page | Instagram 

Comentários

  1. Gente o povo é demais, não deixa as pessoas lerem e serem felizes, eu sou uma pessoa que não sou muito de ler sabe, quando ganho livros eu leio rsrs, mas admiro quem lê e sabe acho pessoas que tem esse hábito pessoas que são legais de conversar porque são cultas e tem um papo descontraido, eu já li um livro brasileiro que ganhei em um sorteio e simplesmente eu amei amei muito prova que eu uma pessoa que não lê gostei do livro as pessoas que tem o habito de ler deveriam gostar, como vc disse tem que achar um tema que goste, eu amo livros de auto ajuda, que falam sobre relacionamento e romance, beijos <3 http://www.blogdaxavier.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carol! Sempre têm gente pra criar preconceitos ou padrão. É incrível, eu também amo ler romances e livro de auto-ajuda, são os que mais tenho. Pra mim são tão gostosinhos de ler. Muito obrigada por ter comentado aqui. Beijos <3

      Excluir
  2. Heyyyyyyyy!!!!

    Preconceito literário mata! Meu pobre coração não aguento.
    Por que diacho as pessoas pensam que precisay existir padrão pra ser leitor?
    Você pode um ótimo leitor, lendo bulas de remédios e rótulos de shampoo! #NoStress

    ResponderExcluir

Postar um comentário


Abra seu coração aqui!

Postagens mais visitadas deste blog

Resenha: Artigos Vários de Psicologia

Olááá Galerinha♥ Tudo bem? Há um tempo escrevi um texto aqui no blog contado que estava cursando Psicologia e a Chiado Editora que é nossa parceira me enviou esse livro cheio de artigos, não é puro amor?

São 87 artigos escritos por Sérgio Resende (formado em Psicologia Clinica) e estão organizados por ordem cronológica de 2007 a 2013. O legal é que são vários temas abordados, por exemplo, antropologia psicanalítica, hiperatividade, perturbações alimentares, complexo de Édipo, psicologia política, psicologia evolutiva, psicologia da religião, psicologia matemática, fobias, criatividade, telepatia e, para além de outras análises do comportamento e funcionamento psicológico humano, Teoria do Tudo em Psicologia e exopsicologia. Não são de mais?
 Eu que estou nessa vibe de estudar as abordagens e assuntos relacionados à Psicologia achei incrível esses artigos. Como são pequenos dá sempre vontade de continuar lendo. Ah e se você tem curiosidade de saber sobre a caracterização psicológica dos p…

Resenha: Fado

Olá, como estão às coisas por ai? Se não estiverem bem acredite que a poesia pode curar. Amor, espiritualidade, alma, mente, destino... São temas abordados no livro de poesias Fado escrito por Daniel Horta Botelho e Castro. Há um tempo recebi um e-mail da editora Chiado me convidando para contar desse livro pra vocês e não esperava que fosse gostar tanto. Em cada poesia um tema que parece complicado, mas ao ler o ponto de vista de Daniel parece mais fácil encontrar o equilibro.
FADO é paraNós. Por umMundo melhor. Por todosNós.” 
Ah, sem contar as ilustrações lindas que aparecem vez ou outra para dar mais vida a poesia.


Esse livro foi publicado em Maio desse ano como o objetivo de “levar-nos a superar o triste estado em que chegamos.” Parece dramático, mas não há outra expressão para se referir a um poeta que transforma confusões em caminhos e que tem a sensibilidade de eternizar isso.


Espero que tenha ficado curioso para ler, clique nesse link e saiba mais.


Continue sendo essa pessoa ilum…

Obras: Romero Britto

Eu estava fazendo uma pesquisa de artes e conheci as obras de Romero Britto ele é brasileiro mas já espelhou suas obras pelo mundo. Então resolvi compartilha com vocês... Espero que gostem também!











Mais obras em : http://www.britto.com/
O que vocês acharam? Eu particularmente amei, essas cores me chamou muita a atenção!