quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Uma música para cada momento: Jorge & Mateus

Link da fonte da imagem
Sabe quando toca aquela música no rádio cantando o que estamos sentindo? Pois é. Escrever é tão mágico; ainda mais quando é sobre o amor. A gente acaba se identificando. E quando o coração está transbordando de saudades? Ahhhhh! O mais engraçado de tudo é que sempre tem uma música do Jorge e Mateus para representar o que estamos sentindo, não é mesmo? Toca a música x e lembramos que nos dedicaram ou dedicamos ela pra alguém.  Separei algumas músicas aqui, dá uma olhada pra vê se concorda comigo: 

Quando conhecemos alguém que vale a pena enfrentar tudo e todos
...Deixa o povo falar
O que é que tem?
Eu quero ser lembrado com você
Isso não é problema de ninguém.

Amores platônicos
A gente nem ficou,
Mesmo assim eu não tiro você da cabeça.
O pouco que durou
O nosso encontro me faz duvidar
Que um dia eu te esqueça.

Sobre ser gratos a nossas mães pelo que nos tornamos
Mãe, a vida me forçou a aprender
Tudo aquilo que eu ouvia de você
Mas entre os problemas
Acho que ainda sei sorrir

Quando estamos apaixonados
Eu busco às vezes nos detalhes encontrar você,
O tempo já não passa, só anda pra trás,
Me perco nessa estrada não aguento mais....

Quando apresamos as coisas
Vai com calma coração
Te cuida com essa paixão
O amor é lindo e gostoso, mas é perigoso
Te cuida coração
O amor é lindo e gostoso, mas é perigoso
Te cuida coração

Quando a saudade transborda
Sofro e morro todo dia,
vivendo essa agonia que me tira
a paz, um dia te levo comigo,
e de saudade sua eu não choro mais.


Ahh, se eu fosse colocar todas aqui esse post ficaria enorme... Clicando no nome da música da para ouvi-la, okay? Alguma música da dupla já marcou sua vida? Se identificou com alguma descrição aqui? Me conte!



Continue sendo essa pessoa iluminada e tchau
Vamos ser amigos? Fan Page | Instagram 

2 comentários:


Abra seu coração aqui!

A rosa que não lhe dei

Não sei exatamente onde tudo se perdeu. Se foi na brincadeira ou na própria desculpa que era outra brincadeira, segundo você mesmo. Acr...